BRASÍLIA - Personagem central do processo eleitoral, o cidadão também deve desempenhar papel decisivo na fiscalização das elei&cce" />
Paranavaí
Min. 21°C Max. 37°C
ELEIÇÕES 2012

Cidadão tem papel fundamental na fiscalização do processo eleitoral

26/07/12 00:00:00 - Cotidiano > Eleições

BRASÍLIA - Personagem central do processo eleitoral, o cidadão também deve desempenhar papel decisivo na fiscalização das eleições, segundo o secretário-geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o juiz Carlos Henrique Braga.
Segundo ele, apesar de a Justiça Eleitoral estar presente em todo o território nacional, ela não consegue estar ao mesmo tempo nos 5.568 municípios onde serão escolhidos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores no próximo dia 7 de outubro.
Segundo ele, desde o início do processo, o eleitor deve acompanhar os passos dos candidatos e colaborar para a lisura do pleito. “O grande desafio da Justiça Eleitoral é garantir o processo de escolha completamente isento, sem qualquer mácula”, disse.
“Então, temos ressaltado a importância do eleitor. Portanto, após deflagrado o processo eleitoral, o eleitor tem como utilizar de mecanismos que possibilitem a fiscalização”, completou Braga.
“Se o eleitor vir um cartaz colado em uma árvore, por exemplo, ele já pode acionar a Justiça Eleitoral. Em todos os sites da Justiça Eleitoral estamos ressaltando isso, em todos os estados temos os tribunais regionais, em todos os tribunais no estados temos as ouvidorias e os links para as reclamações. No TSE, por exemplo, temos a Central do Eleitor, muito utilizada para essa finalidade”, exemplificou o secretário-geral do TSE.
Nas eleições municipais, o juiz eleitoral de cada cidade tem papel fundamental na fiscalização do processo. Ele é responsável por receber as denúncias e aplicar as penalidades. A comunicação ou denúncia à Justiça Eleitoral também pode ser feita por e-mail e diretamente ao promotor de Justiça Eleitoral. Além dos canais disponíveis no âmbito da Justiça eleitoral, o cidadão também pode fazer denúncias às polícias Civil e Militar.
Os tribunais regionais eleitorais também atuam na fiscalização, como uma espécie de segunda instância. Para facilitar a interação com o eleitor, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro, por exemplo, desenvolveu um sistema que permite ao eleitor fotografar irregularidades e enviá-las ao órgão para que sejam tomadas as devidas providências. “Neste momento, a fiscalização do eleitor já pode ser nas campanhas”, ressaltou Braga.
Como órgão máximo da Justiça Eleitoral, o TSE também fiscaliza todo o processo. Mas nas eleições municipais, cabe ao órgão dar a palavra final aos recursos que chegam à corte. Por isso, o secretário-geral do TSE recomenda aos eleitores que, primeiramente, façam suas eventuais denúncias ao juiz eleitoral ou ao promotor da Justiça Eleitoral para que a respostas ocorram de forma mais célere.

Cotidiano

ELEIÇÕES 2016

Em Itumbiara, substituto de candidato assassinado vence eleição

MINISTRO

Mortes na campanha são reflexo do aumento da violência no país, diz Gilmar Mendes

ELEIÇÕES/JUSTIÇA

Doações caíram 60% até o momento em relação a 2012, diz Gilmar Mendes

ELEIÇÕESELEIÇÕES

"Não me preocupo com popularidade", diz Temer a jornais argentinos

ELEIÇÕES/JUSTIÇA

Abstenção nas eleições causa prejuízo aos cofres públicos, diz TSE

ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Disputa em Curitiba e mais 46 cidades é por orçamento ‘bilionário’

ELEIÇÕES/PR

Beto Richa estuda se licenciar para fazer campanha para aliado

DEBATE/PR

Em Curitiba, candidatos prometem metrô, ciclofaixas e até aerotrem

ELEIÇÕES/JUSTIÇA

Candidatos devem fazer prestação de conta parcial até quinta

2012

Poder de prefeituras e falta de cultura política esvaziam papel de vereadores

ELEIÇÕES 2012

Prefeituras sofrem com excesso de atribuições e poucos recursos

ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Em 50 cidades MP Eleitoral pede impugnação de 491

ELEIÇÕES 2012

TSE conclui licitação de R$ 129 mi para manutenção de urnas eletrônicas

DISPUTAS MUNICIPAIS

Na eleição de candidatos únicos a prefeito o desafio é fazer mais de 50% dos votos

CIDADANIA

No 31º aniversário da Constituição Federal, Brasil coleciona mais de 790 mil normas vigentes

ANÁLISE

Oficina de prioridades em pesquisas busca melhorar SUS no Paraná

PARANÁ

O que um projeto inovador precisa para receber recursos e apoio

AGRICULTURA

Produtor deve olhar além da porteira da propriedade, diz técnico da FAEP

REGIMES PRÓPRIOS

TCE-PR monitora ações de municípios para melhorar gestão de previdência

TCE-PR

Notificadas, câmaras aceleram julgamento de contas de prefeitos

agência dream