Paranavaí
Min. 21°C Max. 32°C
ALERTA

Primeiro caso de febre amarela é confirmado no Paraná

30/01/19 00:00:00 - Cotidiano > Estadual

CURITIBA (ANPr) - Um jovem de 21 anos que nunca havia sido vacinado é o primeiro caso de confirmação de febre amarela no Paraná. O caso foi identificado no sábado, quando uma força tarefa da Secretaria de Estado da Saúde foi ao Litoral para organizar, junto com o município de Antonina, as estratégias de enfrentamento da doença. O jovem está internado no Hospital Regional do Litoral e passa bem, com uma forma leve da febre amarela.
O Centro de Operações em Emergências em Saúde também preparou um documento com o chamado fluxo de manejo clínico, para orientar os profissionais de saúde na identificação e tratamento da febre amarela, uma vez que o último caso da doença ocorreu em 2015, em que a doença foi contraída fora do Estado.
Várias medidas e estratégias de enfrentamento já estavam em andamento na Secretaria da Saúde, especialmente dirigidas aos sete municípios da 1ª Regional e municípios da 2ª Regional, pela proximidade com o Estado de São Paulo, onde muitos casos já haviam sido confirmados.
A equipe de reforço enviada pela Secretaria de Estado está visitando cada uma das cidades dessas duas regionais para identificar as dificuldades e fazer busca ativa em comunidades mais isoladas para convocar a população para tomar a vacina. A partir de quinta-feira (31), até 5 de fevereiro, uma busca corpo a corpo estará em curso em toda a área suspeita de circulação do vírus.
O alerta é estendido também a grupos estratégicos de pessoas nas áreas de risco, como caminhoneiros que descem ao Porto de Paranaguá, funcionários da Segurança Pública e trabalhadores de empresas que circulam pela Mata Atlântica. Até o momento, no entanto, não foram encontrados mais macacos mortos.
SINTOMAS - Os sintomas são febre com início súbito em pessoas que nunca tomaram a vacina contra a febre amarela ou com vacinação há menos de 10 dias e que tenham estado em áreas de matas, rios ou áreas de circulação viral comprovada nos últimos 15 dias.
Essas condições devem estar associadas a outros dois ou mais sinais, como cefaleia, náusea, vômitos, dor articular, dor abdominal, dor lombar, icterícia ou hemorragias.

Cotidiano

EM FEVEREIRO

Nota Paraná libera R$ 38,6 milhões em créditos

GRUPOS DE TRABALHO

Governo começa a planejar o Paraná a longo prazo

ASSEMBLEIA

Classe policial propõe ao governador 31 medidas para melhorar a segurança pública

CONTRIBUINTE

Adesão ao parcelamento de dívidas fiscais começa dia 20

ASSEMBLEIA

Tião Medeiros será membro da CCJ

CALOR INTENSO

Estado do Paraná teve o mês de janeiro mais quente já registrado

MELHOR ESCOLHA

Volta às Aulas: Cuidados no transporte escolar

PROJETO DE LEI

Governo anuncia uma economia de R$ 10 milhões com reforma administrativa

NESTA SEGUNDA

Prazo para pagamento do IPTU com 5% de desconto

VEÍCULOS

Taxa de registro de financiamento de veículos tem redução de mais de 50%

ENSINO

Professores terão mais tempo para estudo e planejamento

SAÚDE

Paraná registra mais dois casos de febre amarela

REUNIÃO/SECRETARIADO

Governo: Turismo e novos negócios são estratégias para regiões mais pobres

ASSEMBLEIA/DEPUTADOS

Mesa da ALEP aposta na integração dos setores para atingir eficiência e transparência

VAGAS

Governo do Estado abre vagas de estágios em todo o Paraná

DUPLICAÇÃO

Estado fará projetos executivos para obras em pontos críticos da PR-323

EM SITUAÇÃO DE VULNERABILIDADE

MPPR destaca que gestantes devem buscar rede de proteção à infância

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Na Assembleia, Ratinho Jr enfatiza austeridade no plano de governo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Poderes devem trabalhar em conjunto em favor do Paraná

ASSEMBLEIA/PR

Traiano destaca que a gestão será focada na eficiência, na legalidade e na transparência

diario do noroeste
diario do noroeste
diario do noroeste
agência dream