Paranavaí
Min. 21°C Max. 37°C
SAÚDE

Paraná registra o primeiro caso de chikungunya no período epidemiológico

18/09/19 00:00:00 - Cotidiano > Estadual
Paraná registra o primeiro caso de chikungunya no período epidemiológico Eliminar os focos do mosquito transmissor é a única forma de impedir o avanço das doenças

O Informa Técnico semanal divulgado ontem pelas coordenadorias de Vigilância Ambiental e de Vigilância Epidemiológica da Secretaria da Saúde do Paraná (Sesa)  confirma o primeiro caso de chikungunya do período, que começou a ser monitorado a partir de 28 de julho de 2019.
O caso é “importado” e o local provável de infecção foi o município de Arapiraca, no estado de Alagoas. A pessoa que contraiu chickungunya reside em Araucária; é uma mulher, de 55 anos. Ela já foi medicada e passa bem.
Em relação à dengue, o informativo apresenta 354 casos confirmados neste novo período epidemiológico. São 97 casos confirmados a mais que o boletim anterior, representando aumento de 37,74% em uma semana.
A doença está presente em 79 municípios pertencentes a 16 Regionais de Saúde do estado. As Regionais com mais ocorrências são: Maringá, Foz do Iguaçu, Paranavaí, Cornélio Procópio, Londrina, Umuarama e Campo Mourão.
O Paraná apresenta hoje 3.355 notificações para a dengue.
ALERTA - Cinco municípios estão em situação de alerta para a doença: Inajá, Flórida, uraí, Floraí e Indianópolis. A incidência registrada nestas cidades é maior que 100 e menor que 300 casos por 100mil habitantes.
O Boletim da Sesa também chama a atenção para o Serviço de Alerta Climático da Dengue do Laboratório da Universidade Federal do Paraná, que fornece informações para que os municípios identifiquem sua situação de risco e intensifiquem as medidas de controle e combate ao mosquito transmissor da doença.  Nesta semana a publicação alerta municípios das regiões Oeste, Noroeste e Norte com condições favoráveis à proliferação do Aedes aegypti.  
RESPONSABILIDADE COLETIVA – A Secretaria da Saúde do Paraná reforça que o controle vetorial é o principal componente para combate à dengue e outras arboviroses, como chikungunya e zika.
“Pedimos a todos os gestores municipais e à população para que mantenham as ações de prevenção, como verificar diariamente se existe algum tipo de depósito de água parada em seu imóvel, no prédio público, no quintal e dentro de casa”, orienta o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto.
“Estes pontos que acumulam água parada se transformam facilmente em criadouro do Aedes aegypti”, afirma a coordenadora de Vigilância Ambiental da Sesa, Ivana Belmonte.
Segundo levantamento feito entre abril e junho deste ano, 40,69% dos criadouros foram encontrados em recipientes plásticos, garrafas, latas, sucatas e entulhos de construção; 29,84% em vasos e pratos de vasos de plantas, recipientes de degelo em geladeiras, bebedouros, fontes ornamentais e materiais em depósitos de construção; 15,77% em depósitos de água ao nível do solo para armazenamento doméstico e, 6,72% em pneus velhos. Também são locais favoráveis para a formação de criadouros: depósitos de água elevados, tanques em obras e em borracharias, calhas, toldos em desníveis, ralos sanitários em desuso, piscinas não tratadas, cacos de vidro em muros, buracos em árvores ou rochas, entre outros.
 “Pedimos para que todos redobrem a atenção aos principais locais para formação de criadouros e proliferação do mosquito transmissor da dengue. A temporada primavera-verão está chegando e a associação entre calor e chuva   facilita ainda mais a proliferação”, reforça a coordenadora.

Cotidiano

BOCA LIMPA

Saúde bucal é tema de evento internacional em Curitiba

PEDÁGIO

Governo instaura novos processos contra concessionárias

SEGURANÇA

Depen forma quase mil agentes brigadistas em todo o Estado

IREGULARIDADE

Prefeito e pregoeiro de Fazenda Rio Grande são multados por falha em licitação

IMPROBIDADE

Prefeito e escritório de advocacia devem restituir R$ 426,7 mil a Jacarezinho

TRABALHO

Atestado médico digital obrigatório no Paraná é aprovado na Assembleia Legislativa

DESENVOLVIMENTO

Paraná ganha centro de desenvolvimento de produtos de panificação e cervejaria

DESENVOLVIMENTO/CAMPO

Agricultura firmará parceiras para desenvolvimento territorial

ANÁLISE

Oficina de prioridades em pesquisas busca melhorar SUS no Paraná

PARANÁ

O que um projeto inovador precisa para receber recursos e apoio

AGRICULTURA

Produtor deve olhar além da porteira da propriedade, diz técnico da FAEP

REGIMES PRÓPRIOS

TCE-PR monitora ações de municípios para melhorar gestão de previdência

TCE-PR

Notificadas, câmaras aceleram julgamento de contas de prefeitos

PARANÁ

Ação do Gaeco culmina em prisão do prefeito de São Jerônimo da Serra

EDUCAÇÃO

Inep divulga hoje os locais de prova do Enem 2019

BOVINOS E BUBALINOS

Paraná suspende vacinação contra a febre aftosa

SEGURANÇA/PARANÁ

PRF apreende quase três toneladas de maconha

PARANÁ

Fiscalização apreende 795 brinquedos irregulares

PARANÁ

Universidades estaduais têm destaque em Guia da Faculdade

TRÁFICO

PF apreende 2 quilos de haxixe durante operação em Foz do Iguaçu

agência dream