Paranavaí
Min. 21°C Max. 27°C
PRESÍDIOS

Digitalização de ações penais agiliza concessão de 25,5 mil benefícios a presos

De acordo com o CNJ, o benefício mais comum foi a remição de pena, com 19,5 mil registros. Nesses casos, o preso consegue reduzir o número de anos de cumprimento de pena em troca de trabalho, estudo e leitura

26/03/17 00:00:00 - Cotidiano > Policial
Digitalização de ações penais agiliza concessão de 25,5 mil benefícios a presos Superlotação de cadeias é um problema nacional

Pelo menos 25,5 mil benefícios concedidos a presos foram agilizados por meio da digitalização de ações penais. Os dados foram divulgados nesta semana pelo CNJ e se referem à primeira fase de adoção do Sistema Eletrônico de Execução Unificada em 13 tribunais. O programa automatiza cálculos processuais e aciona os juízes, o que evita que réus fiquem detidos além do prazo determinado. As informações são da Agência Brasil.
De acordo com o CNJ, o benefício mais comum foi a remição de pena, com 19,5 mil registros. Nesses casos, o preso consegue reduzir o número de anos de cumprimento de pena em troca de trabalho, estudo e leitura. Liberdade condicional (2,4 mil) foi outro benefício mais frequentes.
Em abril do ano passado, o plenário do conselho aprovou a plataforma como política nacional judiciária. Com base em dados do processo, o sistema verifica os requisitos para concessão de benefícios, calcula os prazos e notifica o juiz quando o réu obtém os direitos. “É possível, por exemplo, prever quais presos serão favorecidos dos benefícios nos próximos 30 dias e, assim, saber como proceder para remanejar vagas nos presídios”, informou o CNJ.
Dados do Ministério da Justiça e Segurança Pública revelam que há 26,8 mil processos cadastrados no sistema em todo o país, além de 1.670 advogados ativos. Cerca de 131 mil operações foram processadas desde o começo do uso da ferramenta até meados de fevereiro. A maior fatia delas  40 mil  registra prisões e início do cumprimento de penas.
Desenvolvido pelo Tribunal de Justiça do Paraná, o programa é usado em outras dez unidades da Federação. No Distrito Federal, por exemplo, todo novo processo penal deve correr por meio do sistema até o segundo semestre deste ano. A previsão é que, no DF, a expansão chegue às varas de execução penal e de execução de penas em regime aberto nos próximos meses.

Cotidiano

GERAL

Preso suspeito de produzir e divulgar pornografia infantil na internet

TRÁFICO

PRF apreende mais de meia tonelada de cocaína em Paranaguá

CRUZEIRO DO OESTE

PF apreende caminhão carregado de cigarros contrabandeados

GAECO

Quatro policiais militares são presos em flagrante por concussão

USAVA A INTERNET

Homem suspeito de cooptar mulheres para praticar atos criminosos com as crianças é preso

RODOVIAS

Acidente entre carro e ônibus deixa um morto

DICAS

Polícia Civil dá dicas para população não cair em golpes

PRISÕES

Lava Jato diz que diretor do DER recebeu propina para aumentar pedágio no Paraná

BRIGA DE TRÂNSITO

Acusado de atirar contra adolescente é preso no Litoral

CONFRONTO

PM chega a esconderijo e 2 suspeitos da tentativa de assalto a carros-fortes morrem

APÓS TROCA DE TIROS

PRF liberta caminhoneiro feito refém

RESGATE/CE

Suspeito de manter irmã por 16 anos trancada em casa no Ceará é preso

DE NOVO

Condenado por furto ao Banco Central de Fortaleza é preso no Paraná

SEGURANÇA

Polícia Civil faz operação para elucidar homicídios em Curitiba

ANDIRÁ

Dois suspeitos de roubo a banco morrem em confronto com a polícia

RODOVIAS ESTADUAIS

Operação Carnaval 2017 da PRE terá início na sexta-feira

PARANACITY

Policial Militar é baleado no rosto

SEGURANÇA/PR

Operação Eleições contará com mais 10 mil policiais

FLORAÍ

Homem com revólver é preso furtando alface em sítio

COMBATE AO CONTRABANDO

Pioneira em ações anfíbias, PM do Paraná é referência no Brasil

agência dream