Paranavaí
Min. 21°C Max. 32°C
SAÚDE

VAMOS FALAR SOBRE DEPRESSÃO?

DEPRESSÃO - A doença do século

12/02/19 00:00:00 - Cotidiano > Saúde
VAMOS FALAR SOBRE DEPRESSÃO? Dr Diórgnes Silva de Queiroz 2013 Clínico Geral

É considerado um transtorno de humor unipolar, pois a variação do humor fica apenas do lado depressivo.  A palavra "depressão" vem do latim depressio, de deprimere, que significa “apertar firmemente", "para baixo”. No entanto, a DEPRESSÃO é considerada muito mais profunda do que a tristeza.   Ocorre uma desorganização dos NEUROTRANSMISSORES. Na DEPRESSÃO existe um problema na quantidade ou na qualidade de alguns neurotransmissores. Inicialmente, o termo DEPRESSÃO era usado para designar sintomas ou caracterizar estados mentais, sendo que a doença era chamada de melancolia, termo criado há mais de 25 séculos.  Somente no século XX, em 1995, passou a ser considerada uma doença ou transtorno afetivo ou de humor. 
De acordo com dados da OMS - Organização Mundial de Saúde cerca de 322 milhões de pessoas sofrem com transtornos de humor. O Brasil é o país com maior prevalência de depressão da América Latina e o segundo com maior prevalência nas Américas, ficando atrás somente dos Estados Unidos. Ela pode causar à pessoa afetada um grande sofrimento e disfunção no trabalho, na escola ou no meio familiar. Na pior das hipóteses, a depressão pode levar ao suicídio. 
Cerca de 850 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano no mundo, sendo essa a segunda principal causa de morte entre pessoas com idade entre 15 e 29 anos. A DEPRESSÃO é a principal causa de incapacidade em todo o mundo e contribui de forma importante para a carga global de doenças.  As mulheres são mais afetadas que homens (2/1).
Existem vários tratamentos medicamentosos e psicológicos eficazes para depressão. 
Um episódio depressivo pode ser Leve, Moderado ou Grave.  Depende da intensidade dos sintomas.  DEPRESSÃO LEVE: dificuldade em continuar um trabalho simples e atividades sociais, mas sem grande prejuízo ao funcionamento global. DEPRESSÃO GRAVE: é improvável que a pessoa afetada possa continuar com atividades sociais, de trabalho ou domésticas.
Fatores que contribuem e prevenção 
A DEPRESSÃO é resultado de uma complexa interação de fatores sociais, psicológicos e biológicos. Pessoas que passaram por eventos adversos durante a vida (desemprego, luto, trauma psicológico) são mais propensas a desenvolver depressão. 
O tratamento é multidisciplinar na sua grande maioria, engloba mudança do estilo de vida, interação social, atividade física ou similar e uso medicamentoso de antidepressivos. 
`` Não deixe para valorizar a vida quando não houver mais tempo!``

diario do noroeste
diario do noroeste
diario do noroeste
agência dream