SÃO PAULO - O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) denunciou o técnico Cuca, do Palmeiras, pelo uso indevido de um ponto eletrônic" />
Paranavaí
Min. 23°C Max. 30°C
PALMEIRAS

Cuca é denunciado por uso de ponto eletrônico

28/05/16 00:00:00 - Esporte > Brasileirão

SÃO PAULO - O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) denunciou o técnico Cuca, do Palmeiras, pelo uso indevido de um ponto eletrônico no jogo contra o Fluminense, na quarta, pelo Campeonato Brasileiro. O treinador pode ficar suspenso por até seis jogos. 
Expulso na derrota para a Ponte Preta, pela segunda rodada do Nacional, Cuca não pôde comandar a equipe do gramado. Com isso, o irmão dele, Cuquinha, e o auxiliar Alberto Valentim foram os substitutos. 
Para facilitar a comunicação entre eles foi usado pontos eletrônicos. A CBF não permite comunicação eletrônica quando o técnico está suspenso. Ele deve ficar em um lugar distante do banco de reservas e sem falar com a comissão técnica. 
Durante a coletiva de imprensa de ontem (27), Cuca soube da denúncia do STJD e ficou irritado. 
"Eu não usei comunicação. Estou lá em cima nas cadeiras, se alguém me vê falando em algum momento no rádio ou alguma coisa, pode me punir sem problema algum. Não sei por que essas coisas estão acontecendo, não é da regra ter comunicador", disse. 
Na súmula da partida, o quarto árbitro Emerson Ferreira escreveu que Eduardo Vicente da Silva, identificado como gerente de marketing do Palmeiras foi retirado do campo por estar com um "rádio comunicador". Silva teria argumentado que apenas estava monitorando torcedores que estavam na parte da frente das arquibancadas, "no vidro", para que não atirassem objetos no campo. 

agência dream