O Benfica estendeu uma "maldição" de 52 anos atribuída ao técnico húngaro Bela Guttmann, ao perder para o Sevilla nos p&" />
Paranavaí
Min. 25°C Max. 37°C
EUROPA

Vice, Benfica mantém "maldição" de ex-treinador

15/05/14 00:00:00 - Esporte > Internacional

O Benfica estendeu uma "maldição" de 52 anos atribuída ao técnico húngaro Bela Guttmann, ao perder para o Sevilla nos pênaltis por 4 a 2 após empate sem gols na final da Liga Europa, ontem, em Turim (Itália).
O treinador, que conquistou o Campeonato Paulista de 1957 pelo São Paulo, morreu em 1981.
Os dois títulos europeus do Benfica foram conquistados sob o comando dele em 1961 e 1962, contra Barcelona e Real Madrid. Ao negociar sua continuidade no clube, ele teria tido negado seu pedido de aumento salarial e, assim, lançado uma praga de mais de cem anos sem conquistas continentais pela equipe portuguesa.
Desde então, os benfiquistas chegaram a oito finais europeias e perderam todas. Foram vice-campeões da Liga dos Campeões, em 1963, 1965, 1968, 1988 e 1990, e da Copa Uefa -que virou Liga Europa-; em 1983, no ano passado e hoje.
Em fevereiro deste ano, foi inaugurada em frente ao estádio da Luz, do Benfica, uma estátua de bronze de Guttmann, feita por um escultor húngaro. Atribuiu-se ao fato uma tentativa de encerrar a maldição.
SEVILLA CAMPEÃO - O Sevilla conquistou ontem seu terceiro título da Liga Europa ao bater o Benfica na disputa de pênaltis por 4 a 2, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação, no Juventus Stadium, em Turim, na Itália.
Na decisão, o goleiro Beto, do Sevilla, defendeu as cobranças de Rodrigo e Óscar Cardozo, após avançar muito, saindo da linha antes do chute - o que é irregular. Porém, o juiz validou os lances.
Com o revés, o time português mantém um jejum de 52 anos sem conquistas europeias.
A equipe espanhola havia sido bicampeã nas temporadas de 2005/2006 e 2006/2007, quando a competição ainda recebia o nome de Copa da Uefa.
Bicampeão da Copa dos Campeões em 1961 e 1962, quando Eusébio era o craque da equipe, o Benfica disputou e perdeu as oito finais europeias seguintes, incluindo a final da Liga Europa do ano passado, quando foi superado pelo Chelsea, e a deste ano.

Esporte

MÁ FASE

Lateral Marcelo pode deixar o Real Madrid

BARCELONA

Lesão de Arthur pode ser “a salvação” para Coutinho, diz jornal

BRASILEIRO

"Herdeiro" de Messi, Neymar pode marcar centésimo gol no Barcelona

MAIOR SALÁRIO

Los Angeles Galaxy quer Ibrahimovic

MUNDIAL DE CLUBES

Colombianos elogiam Kashima, lamentam derrota e lembram: "Futebol não acaba aqui"

TECNOLOGIA

Facebook lança plataforma para debater partidas esportivas no site

FIFA

Marin consegue prorrogar prazo para apresentar garantia à Justiça

TÊNIS-MASCULINO

Djokovic revela que já recebeu oferta de R$ 800 mil para entregar jogo

TÊNIS-AUSTRÁLIA

Bruno Soares vence primeiro torneio ao lado de irmão de Andy Murray

TÓQUIO-2020

Relatório aponta indício de compra de votos para Japão sediar Jogos de 2020

FUTEBOL-ESPANHOL

Fifa proíbe Real e Atlético de Madri de fazer contratações por um ano

ELIMINATÓRIAS

Fifa multa Argentina e Chile por cantos homofóbicos

JUSTIÇA/ESPANHA

Neymar é intimado a depor como réu em investigação sobre transferência

GOL MAIS BONITO

Com pulseira da Bola de Ouro e terno do ex-jogador Neto, Lira chega ao Brasil

DENÚNCIAS

Em meio a escândalo, Fifa demite Valcke

DENÚNCIAS

Fifa informa motivos da suspensão a Blatter e Platini, que podem recorrer

CAMPEONATO ESPANHOL

Zidane comanda primeiro treino no Real diante de 6 mil torcedores

TÊNIS

Wimbledon anuncia premiação recorde de R$ 117 mi

NBA

Time de Splitter vence e lidera confronto nos playoffs

EUROPA

Thiago Silva desfalca o PSG contra o Barça

agência dream