Paranavaí
Min. 21°C Max. 27°C
SELEÇÃO

Neymar e Gabriel Jesus, craques que trazem à memória o “Jogo Bonito” do Brasil

A grande aposta do técnico Tite dava resultado, já que o mesmo atacante (G. Jesus) marcaria o terceiro e definitivo gol, com chute de meia distância, que colou no ângulo esquerdo do goleiro equatoriano

03/09/16 00:00:00 - Esporte > Seleção
Neymar e Gabriel Jesus, craques que trazem à memória o “Jogo Bonito” do Brasil G. Jesus e Neymar, peças chave da 2018verde-amarela2019 Foto: AFP

O site da Conmebol destacou a vitoria do Brasil sobre o Equador, por 3x0, anteontem, destacando o desempenho dos craques Gabriel Jesus e Neymar.
O site publicou que o Brasil volta a se encaminhar ao Mundial da Rússia 2018 depois de derrotar o Equador por 3x0 em Quito. Encarregados de restaurar a imagem do Pentacampeão do mundo, dois jogadores - o estelar Neymar e a revelação Gabriel Jesus - deram um show com gols, além de dar magia em cada toque, o que faz acreditar na recuperação da memória futebolística e a instalação do ‘Jogo Bonito’.
Aos 69 minutos, a jovem pérola brasileira de 19 anos de idade, Gabriel Jesus, entrou na área rival com uma velocidade endiabrada e superou o defensor equatoriano Arturo Mina. Na sequência foi derrubado pelo goleiro Domínguez, gerando a penalidade máxima, que seria o preâmbulo de uma tarde inesquecível para Gabriel, que debutou na Seleção nessas eliminatórias.
Do pênalti, quem se encarregou foi Neymar, que com destreza definiu o primeiro gol aos 71’ ante 33.000 espectadores que assistiam como escapava sua superioridade de vitórias da seleção equatoriana, no Atahualpa.
Com um Equador sem ideias, o craque Neymar e Gabriel Jesus tomaram a batuta, e com triangulações danificaram a defesa equatoriana, tanto é que no minuto 86’, Brasil aumentava sua vantagem através de Gabriel. Com um toque de classe, ele demonstrou seus recursos na hora de definir uma chance de gol.
A grande aposta do técnico Tite dava resultado, já que o mesmo atacante marcaria o terceiro e definitivo gol, com chute de meia distância, que colou no ângulo esquerdo do goleiro equatoriano.
“Demonstramos um grande nível físico, técnico e tático. Temos que desfrutar o momento, pela adversidade superada, e valorizar os jogadores”, ponderou o técnico Tite, destacando o papel de Neymar principalmente no último terço do jogo, em seus “mano a mano” e na hora de fechar espaços.
Talvez só foram 20 minutos de ‘Jogo Bonito’, mas a dupla dourada que apareceu nas Olímpiadas do Rio 2016 dão fé aos brasileiros de recuperar a memória futebolística e voltar a um embate mundial.
Com a vitória, o selecionado brasileiro chega fica mais perto dos primeiros colocados, e ten a Colômbia  como adversário, em Manaus na próxima terça.

agência dream