Neste fim de semana - dias 9, 10 e 11 - será realizado o 9º Encontro dos Estudantes Paranavaienses, com recordações sobre ex-diretores de vários e" />
Paranavaí
Min. 19°C Max. 34°C
ENCONTRO DE ESTUDANTES

No EPA, homenagem a ex-diretores do Colégio Estadual

07/09/16 00:00:00 - Paranavaí > Local
No EPA, homenagem a ex-diretores do Colégio Estadual Foto de 07 de setembro de 1964 em Nova Londrina, onde também lecionou com os filhos Elaine Maria, Dona Eunice e Bininho

Neste fim de semana - dias 9, 10 e 11 - será realizado o 9º Encontro dos Estudantes Paranavaienses, com recordações sobre ex-diretores de vários estabelecimentos de ensino por onde passaram os estudantes dos anos 60 e seguintes.
Entre os diretores a serem citados está o professor João Albino Werlang, que neste 07 de setembro, se vivo, completaria 97 anos de idade, informou um dos filhos, Bininho, que vem de Mogi das Cruzes-SP, especialmente para participar do evento, seguindo até Querência do Norte, onde o professor foi sepultado.
Originários da Prússia, os pais de João Albino Werlang migraram para o Brasil em busca de segurança para viver num País livre. Nasceu em 07 de setembro de 1919 em Selbach, Rio Grande do Sul, e faleceu em outubro de 1984 em Paranavaí-PR. Casou com Eunice Medeiros (09.07.1936 em Tabapuã-SP) filha de Luiz Alves de Medeiros e Madalena Marcos de Medeiros. Tiveram os filhos:
1- Albino Luiz de Medeiros Werlang, nasc. 29.11.1957 em Paranavaí-PR, residência atual Mogi das Cruzes-SP;
2- Elaine Maria Werlang, nasc. 20.04.1962 em Paranavaí-PR, Assistente Social, casada com Ricardo Nogueira Prioste, nasc. em Presidente Prudente (11.1957) eng. civil,  residência atual Mogi das Cruzes-SP., tem os filhos
Ricardo Raoni Werlang Prioste, nascido em Mogi das Cruzes-SP, economista, casado, sem filhos, residência atual Cracóvia-Polônia, e
Iara Nogueira Werlang Prioste, nasc. em Mogi das Cruzes-SP., advogada, solteira, residência atual Maringá-PR.
João Albino aos 7 anos de idade foi estudar como interno no Seminário de Uruguaiana-RS. Lá se formou em Letras, Filosofia e Teologia, onde lecionava Português para os alunos internos e externos, dominava fluentemente os idiomas Alemão, Italiano, Latim, Espanhol e Francês. Chegou a vestir batina e tinha como nome de ordem: Irmão Didácio.
Ali ficou até o final de 1947  quando pediu "desligamento" e mudou-se para Santa Rosa no início de 1948, lecionou Português no Colégio Dom Bosco (dos Padres), nas horas vagas trabalhava como agrimensor em uma Colonizadora local,  em 1950 ajudou a fundar o time de futebol Juventus e ali ficou até 1952.
No final de 1951, o prof. João Albino recebeu convite por parte da Colonizadora, para cadastrar famílias da região Norte e Noroeste do RS para colonizarem o até então inexplorado Noroeste do Paraná, uma região ainda inóspita, mas contendo excelente terra para o plantio de café, fato que animou e encorajou algumas famílias gaúchas a se aventurarem neste rincão paranaense.
João Albino levou então além de sua mãe Maria Paulina, a irmã Luisa, casada com o construtor e lavrador Carlos Spenthof e filhos, os Borsatto, Paulo Konrath, Schimidt, e mais tarde chegaram os Reginatto, Zago, Peripolli, entre outros e foram os pioneiros fundadores da cidade de Querência do Norte.
Ali enfrentaram duas fortes geadas que queimaram a lavoura e plantação de café. Desanimando, alguns decidiram voltar para o Sul. João Albino recebeu o seu pagamento e ali continuou prestando serviços como agrimensor.
Em 1951 chega em Paranavaí o frei Ulrico Goevert, durante a primeira administração do prefeito José Vaz de Carvalho, que tinha como meta a construção de um Ginásio Municipal.
Conversando sobre isto com o frei Ulrico, este lhe informou que sabia ter em Querência do Norte um professor formado no Seminário de Uruguaiana, o prefeito então cedeu um jipe com motorista e pediu para o frei convidar este professor para ajudar a fundar o Ginásio Municipal de Paranavaí.
Convite aceito o professor viajou de mala e cuia com o frei, e enquanto o ginásio era construído as aulas eram ministradas numa casa de dois cômodos transformados em salas de aula situada na Rua Minas Gerais defronte a antiga Pensão Portuguesa, ao lado de onde era também a segunda sede do Diário do Noroeste, de propriedade do José Valente.
O professor Albino veio a ser diretor do Colégio Estadual de Paranavaí, onde lecionou até o seu falecimento em 1984, marcado seu nome na memória de milhares de estudantes, ainda lembrado com admiração e respeito. (SB)

Paranavaí

PARANAVAÍ

Agência do Trabalhador segue com inscrições abertas para diferentes cursos profissionalizantes

OPORTUNIDADE

Empresa de Paranavaí oferece 20 vagas para vendedores externos

DOM MÁRIO SPAKI

Projeto de valorização das vocações ganha adeptos no Brasil e em outros países

CMDCA

Vencedores do Concurso de Desenho ganham premiação

AÇÃO VOLUNTÁRIA

Trabalho comunitário no Ginásio Noroestão

PARANAVAÍ

Dia do Artista será comemorado com evento especial na Praça dos Pioneiros

CLIC DE OURO

Gehlen é homenageado em evento chamado de semente do bom exemplo

AMUNPAR

Gestores municipais tiram dúvidas sobre o novo Código de Segurança contra Incêndios

CATEDRAL DE PARANAVAÍ

Data importante para a Catedral de Paranavaí

SAÚDE/PARANAVAÍ

UBS Panorama fará coleta de preventivo hoje

AGOSTO AZUL

Quatro UBSs abrem hoje para atendimento especial aos homens

POLÍTICA

Requião Filho fala sobre possibilidades do MDB para as eleições de 2020

PARANAVAÍ

Município oferece vagas para 10 cursos profissionalizantes gratuitos

PREVISÃO DO TEMPO

Fim de semana será sem chuvas em Paranavaí

EDUCAÇÃO

Reitor do IFPR visita Paranavaí e defende ampliação do espaço físico e de cursos

ECONOMIA

Além do campo, estiagem tem efeitos sobre produção industrial da mandioca

PARANAVAÍ

Ações da PM terminam com prisões e apreensão por envolvimento com tráfico

EM PARANAVAÍ

Ministra e secretário de promoção da pessoa idosa confirmam visita ao CCI

NA CÂMARA

Comandante do Corpo de Bombeiros fala sobre planejamento e apoio dos Poderes

NÃO TEM TROCO

Comércio varejista pensa em ações para trazer as moedas de volta ao mercado

diario do noroeste
agência dream