Paranavaí
Min. 14°C Max. 27°C
LADRÃO APANHA

Homem reage, luta e segura o ladrão. Era foragido da justiça

29/06/17 10:02:30 - Paranavaí > Local
Homem reage, luta e segura o ladrão. Era foragido da justiça O delegado Luís Carlos Mânica orienta sobre como agir durante assalto Foto: Robson Fracaroli

“Perdeu, perdeu. Entrega a moto”. Assim começou a desastrada tentativa de roubo por dois rapazes, na noite de anteontem, em Paranavaí. O motociclista de 51 anos reagiu e entrou em luta com os bandidos.
Aliás, o motociclista reagiu duas vezes.
Primeiro, quando do roubo, com os ladrões empreendendo fuga, depois, ambos foram localizados pela vítima, e nova luta aconteceu. Um dos ladrões fugiu e o outro foi seguro até a chegada da polícia.
Na Delegacia, uma surpresa: o ladrão é foragido da Colônia Penal Industrial de Maringá (CPIM). E mais: Confessou que deu “graças a Deus” ao ver a viatura da PM chegando, porque poderia ser agredido ainda mais.
O ladrão foi autuado por tentativa de roubo e ainda vai voltar ao sistema prisional.
A tentativa de roubo aconteceu por volta das 20h, no Jardim Ipê. O ladrão estava a pé, acompanhado de um comparsa, que fugiu. Eles abordaram a vítima que tinha ido buscar o filho no trabalho.
O motociclista disse que um dos criminosos estava armado, mesmo assim começou a lutar. Os dois bandidos saíram correndo. Junto com o filho, o motociclista encontrou um dos ladrões e novamente entrou em luta corporal, segurando o bandido até a chegada da PM.
Com o ladrão foi apreendida uma garrucha (arma antiga) de dois canos, calibre 22. A arma tinha duas munições intactas.
Na briga, o motociclista sofreu ferimentos no nariz e no cotovelo esquerdo. O ladrão também apresentava escoriações. A polícia agora tenta identificar o outro ladrão.
NÃO É RECOMENDADO - A atitude de reagir ao assalto não é a recomendada pelas autoridades policiais. Para o delegado Luís Carlos Mânica, chefe da 8ª Subdivisão Policial de Paranavaí, ao ser vítima de assalto a pessoa não deve tentar fugir, correndo ou acelerando moto ou carro. “Isso pode fazer o marginal disparar na direção da pessoa”.
O delegado orienta que as pessoa não façam movimentos bruscos porque o criminoso pode interpretar como uma reação. “O melhor é seguir as determinações do bandido. Se tiver que realizar movimento com as mãos avise verbalmente para que o criminoso não leve um susto e acabe acionando o gatilho do revólver. A vítima tem que pensar em sua integridade”, concluiu Mânica.

Paranavaí

DIVERSÃO

Mais de 8 mil pessoas passaram pelo 1º Flashback na Praça neste domingo

SAÚDE ANIMAL

Município abre consulta pública para uso do "Castramóvel”

NOROESTE DO PARANÁ

Casos de raiva em rebanhos da região não causaram prejuízos comerciais

PARANAVAÍ

Policial Militar Jeferson Luiz Cattelan assume a Seprovpat

EPHRAIM MARQUES MACHADO

Corpo do pioneiro das comunicações de Paranavaí foi sepultado ontem

PARANAVAÍ

Inscrições do Processo Seletivo para a contratação de médicos vão até dia 26

DEBATE

Projeto de Lei quer proibir uso de fogos de artifício com estampido

ATÉ 21 DE JANEIRO

Meninas de 17 a 25 anos podem se inscrever no Concurso Rainha da ExpoParanavaí 2020

IGREJA CATÓLICA

Paróquia São Sebastião celebra o padroeiro de Paranavaí

SERVIÇO

Prefeito encaminha à Câmara projeto de lei que aumenta multa para terrenos com mato alto

IPTU

Prazos para pedir revisão e isenção vão até abril e maio

IPTU 2020

Prazo para pagar IPTU 2020 com 10% de desconto vai até 17 de janeiro

ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL

Prefeito de Paranavaí avalia 2019 e fala dos planos para o próximo ano

BOSQUE

Guarda Municipal vai atuar diariamente no Bosque

IPTU 2020

Prazo para pagar com 10% de desconto vai até 17 de janeiro

PARANAVAÍ

Comércio, bancos e repartições públicas terão expedientes diferenciados na próxima semana

ECONOMIA

Vendas no comércio de Paranavaí cresceram abaixo do esperado: 2,4%

67 ANOS

Aniversário foi comemorado em grande estilo no aeroporto

CHEGADA DO PAPAI NOEL

Mais de 10 mil pessoas passaram pela Praça dos Pioneiros

INSTITUTO

Cantata de Natal do Centro do Idoso terá música instrumental e 4 corais

agência dream