Paranavaí
Min. 21°C Max. 31°C
CADEIA PÚBLICA

Inquérito vai apurar circunstâncias da fuga de presos em Paranavaí

30/11/17 11:17:07 - Paranavaí > Policial
Inquérito vai apurar circunstâncias da fuga de presos em Paranavaí Há cerca de cinco anos não eram registradas fugas na cadeia de Paranavaí

A Polícia Civil abriu inquérito para apurar as circunstâncias da fuga de cinco presos da cadeia Pública de Paranavaí, ontem pela manhã. Por volta das 9h, cinco detentos conseguiram ganhar a liberdade. Um agente penitenciário teria deixado a porta da cela sem travar, ocasionando a fuga. Delegado não acredita em ato proposital, mas em falha na operação.
O delegado Luiz Carlos Mânica, chefe da 8ª Subdivisão Policial de Paranavaí, confirma a abertura do procedimento de investigação. Ele explica que por volta das 9h o servidor foi retirar das celas dois detentos que fazem serviço de limpeza da cadeia.
Ao sair, teria passado o ferrolho (tranca) e o cadeado, porém, a fechadura não travou. Com isso, cinco dos 25 detentos que estavam no espaço conseguiram sair. Eles fugiram pulando o muro dos fundos do prédio.
Reiterando não ver que a situação tenha sido proposital, o delegado conta que o objetivo do inquérito é apurar as circunstâncias e depois encaminhar o caso para o Poder Judiciário.
Outro detalhe desse episódio é que os presos em questão estavam nas celas da estrutura de carceragem da Delegacia, conhecida como “corró”, normalmente um lugar de passagem assim que ocorre a detenção.
Um policial informou que os detentos estavam na carceragem, isolados dos demais presos, para proteção. Seriam presos ameaçados dentro do presídio.
Conforme a relação divulgada pela Polícia, dentre os fugitivos estão pessoas envolvidas em roubos, homicídio e estupro. Ganharam a liberdade: Eduardo Alves Teixeira, 26 anos; Jhonatan de Souza, 18 anos; Rafael Soares Clerice, 23 anos; Roni Ferreira Ramos, 28 anos; Vanderlei Pereira da Silva, 23 anos.
CINCO ANOS SEM FUGA - Este episódio põe fim a um longo período sem fugas no sistema prisional em Paranavaí. A última até então aconteceu em setembro de 2012, quando detentos furaram a laje e ganharam a liberdade.
A partir daí, houve investimento em melhorias e reforço na segurança com profissionais do Departamento Penitenciário - Depen. Desde esta data foram constatadas tentativas de fuga, sempre frustradas pelas equipes.
No histórico consta ainda uma rebelião em dezembro de 2015. Naquela oportunidade, os presos atearam fogo em colchões e mantiveram agentes como reféns.
A rebelião durou 22 horas e terminou após negociação, sem pessoas feridas, mas com muita destruição no prédio da cadeia e em objetos de uso dos próprios detentos.
Os presos reivindicavam melhorias internas e na alimentação. Uma das queixas foi de superlotação, algo corriqueiro na cadeia. A estrutura foi feita para abrigar 96 pessoas, mas, rotineiramente, mais de 200 detentos dividem o mesmo espaço.

Paranavaí

PARANAVAÍ

Homem é preso por estupro de vulnerável. Vítima tem cinco anos

POLÍCIA CIVIL

Ministério Público acata relatório final no inquérito sobre latrocínio de comerciante

ATAQUE DE ABELHAS

Detalhes do episódio que terminou em morte

PARANAVAÍ

Uma pessoa morre após ataque de abelhas

CRIME AMBIENTAL

Força Verde apreende quase 10 toneladas de defensivos agrícolas em Paranavaí

PARANAVAÍ

Homem preso e adolescente apreendido por envolvimento em latrocínio no Jardim Ipê

BOLETIM DE OCORRÊNCIA

PM registra três furtos em Paranavaí

PARANAVAÍ

PM desmonta ponto de tráfico de drogas no Jardim Santos Dumont

PARANAVAÍ

Bandidos furtam 100 quilos de fios elétricos de obra no Jardim Ipê

PARANAVAÍ

Adolescente apreendido por atear fogo em terrenos próximos a matas ciliares

BOLETIM DE OCORRÊNCIA

PM de Paranavaí registra furtos em estabelecimentos comerciais

EM PARANAVAÍ

Homem é feito refém e tem carro roubado por bandidos armados com facas

DOMINGO

PM registra casos de violência doméstica e ameaça em Paranavaí

JARDIM IPÊ

PM apreende 90 gramas de crack em Paranavaí

REGIÃO

Policiais militares apreendem 36 caixas de cigarro

BOLETIM DE OCORRÊNCIA

PM registra quatro furtos qualificados em Paranavaí, um deles seguido de ameaça

NO DOMINGO

Capotamento na BR-376 deixa cinco pessoas feridas

RECEPTAÇÃO

Polícia Militar recupera produtos furtados

AIFU/PARANAVAÍ

Operação fecha dois estabelecimentos

PARANAVAÍ

Morador põe fogo em lixo e entulho e é advertido pelo Corpo de Bombeiros

diario do noroeste
agência dream