Paranavaí
Min. 18°C Max. 30°C
ALTO RISCO

Dengue: prefeita de Amaporã decreta situação de emergência

25/01/19 00:00:00 - Região > Amaporã

A prefeita de Amaporã, Terezinha Fumiko Yamakawa, declarou situação de emergência, em razão do alto índice de infestação por Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, no município. Levantamento concluído neste mês revelou a gravidade do problema.
O Ministério da Saúde classifica como tolerável a marca de 1% de infestação. A partir disso até 3,9%, considera-se a situação como de médio risco para uma epidemia de dengue. Acima dos 4%, o cenário se torna de alto risco. Em Amaporã, são 9,9%.
O decreto assinado pela prefeita e que define a situação de emergência aponta 37 notificações de casos suspeitos da doença entre 1º janeiro de 2018 e 21 de janeiro de 2019. Desse total, foram sete confirmações.
O documento também manifesta preocupação com os “altos índices de observação do quadro clínico e exames laboratoriais que chegam aos limites de segurança do município” e o “aumento expressivo do número de consultas nas Unidades de Saúde do município em decorrência da epidemia e suas consequências”.
Pelo decreto, “confirma-se a mobilização no sistema estadual de Epidemiologia, do comitê municipal de mobilização de combate a dengue, zika vírus e chikungunya, no âmbito do município, e autoriza-se a requisição de apoio técnico e logístico de toda a estrutura administrativa”.
Entre as medidas a serem tomadas estão a limpeza pública e o planejamento de ações em escolas de Amaporã. A ideia é envolver toda a comunidade na eliminação de criadouros do mosquito, promovendo conscientização.

agência dream