Paranavaí
Min. 18°C Max. 30°C
FIQUE ATENTO

Pesquisa do Procon aponta variação maior que 375% em produtos da Ceia de Natal

24/12/19 08:49:58 - Região > Geral
Pesquisa do Procon aponta variação maior  que 375% em produtos da Ceia de Natal Produtos podem apresentar grande variação. Por isso, a pesquisa é fundamental

Assessoria Prefeitura

O Procon de Paranavaí fez uma pesquisa comparativa de preços dos produtos que compõem a Ceia de Natal, e o resultado foi impressionante: em alguns produtos, a variação pode ser maior do que 375%.
Entre os panetones, o que apresenta maior variação é o tradicional de 400 gramas em caixa. O produto pode ser encontrado com preços entre R$ 5,48 e R$ 12,68, uma variação de 131,38%. O chocottone de 400 gramas também apresentou grande variação (111,68%), com preços entre R$ 5,99 e R$ 12,68.
Entre as carnes típicas da ceia natalina, o frango inteiro congelado pode ser encontrado a R$ 5,89 e R$ 17,89 o quilo, uma variação de 203,73%. Já com relação às bebidas, o refrigerante de cola 2 litros tem uma diferença de 134,56% nos preços (entre R$ 2,98 e R$ 6,99).
A caixa de bombons foi o item com menor variação na pesquisa de preços do Procon. O produto pode ser encontrado com preços entre R$ 7,99 e R$ 10,99 – diferença de 37,54%.
Os itens com maior variação foram as frutas em caldas e as frutas secas. A lata de ameixa em calda de 400 gramas (drenado) pode ser entrada com preços entre R$ 6,99 e R$ 33,26, uma variação de 375,82%. Em segundo lugar estão as frutas cristalizadas (100 gramas). Neste caso, a variação é de 299%, com preços entre R$ 1,00 e R$ 3,99.
A coleta de dados feita pelo Procon foi realizada na última terça-feira, dia 17, nos cinco maiores supermercados de Paranavaí. Foram pesquisados 35 itens de diferentes marcas, entre bombons, carnes congeladas, frutas secas, frutas em calda, panetones e bebidas. Lembrando que foram cotados os menores preços de cada produto, nos estabelecimentos.
“Nosso objetivo com as pesquisas de preço é oferecer uma referência ao consumidor. Sempre orientamos que, antes de comprar, o consumidor faça uma lista dos itens necessários e, além do preço, verifique as formas de pagamento, promoções e descontos e o prazo de validade dos produtos”, frisa o coordenador do Procon de Paranavaí, Carlos Eduardo Balliana.
 
A pesquisa completa está disponível na fanpage do Procon de Paranavaí ou na sede do órgão, localizado à Rua Antônio Felipe, 917 – Centro. Mais informações também podem ser obtidas pelos telefones (44) 3902-1055 ou 3902-1056.

Região

INFRAESTRUTURA

Guairaçá terá investimento de R$ 20 milhões em asfalto e rede de esgoto

FIM DE ANO

Aumenta o movimento nas rodovias

VENDAVAL

Limpeza e reconstrução seguem na região

EDUCAÇÃO

Nesta terça-feira, eleição para diretorias estadual e regional da APP-Sindicato

BIOMETRIA

Fórum Eleitoral atende até 17 horas neste sábado

EM PARANAVAÍ

Ampec-Micropar formaliza participação em Pacto Global da ONU

NOROESTE DO PARANÁ

Em reunião com prefeitos, secretário da Saúde aponta estratégias de combate à dengue

PARANAVAÍ

Prefeito dá posse aos 28 integrantes do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência

NOROESTE DO PARANÁ

Regional de Saúde faz orientações sobre atendimento em casos suspeitos de coronavírus

PRODUÇÃO

Silos públicos do Porto de Paranaguá voltam a receber cargas

PORTO RICO

Adapar registra foco de raiva e rebanho num raio de 12 km deve ser vacinado

AGRICULTURA

Associação dos Irrigantes do Noroeste do Paraná será criada nesta sexta-feira

SICOOB OURO BRANCO

Ano de 2019 foi marcado por três novas agências no Noroeste paranaense

DENGUE

Administração Municipal pede apoio ao Ministério Público no combate à dengue

ALTO PARANÁ

Município anuncia conclusão da pavimentação asfáltica na Avenida Ivaí

SAÚDE

Municípios têm R$ 250 milhões a mais para zerar filas de cirurgias eletivas

BALANÇO 2019

Obras e melhorias em rodovias estaduais somam R$ 600 milhões

SAÚDE

UPA de Paranavaí registra 390 casos suspeitos de dengue em dez dias

CÂMARA

Deputado consegue liberar R$ 100 mil para ações de saúde em Alto Paraná

EDUCAÇÃO

Matrículas para EJA iniciam em 6 de janeiro

agência dream