Paranavaí
Min. 20°C Max. 36°C
LOANDA

Família refém de quadrilha por mais de 7 horas

02/08/18 00:00:00 - Região > Loanda

Uma família permaneceu refém de assaltantes por cerca de sete horas e meia numa propriedade rural de Loanda, na PR-182, entre a noite de anteontem e madrugada de quarta-feira.
Os ladrões fugiram levando diversos aparelhos eletrônicos, eletrodomésticos, cerca de R$ 20 mil em veneno agrícola, joias, R$ 2 mil em dinheiro, além de uma picape Toyota Hilux.
De acordo com informações do setor de comunicação social da Polícia Militar, 3ª Companhia de Loanda, oito ladrões chegaram na casa por volta de 19h30, rendendo a família.
Armados com revólveres e coldre na cintura, os assaltantes mantiveram as vítimas em uma sala. Eles trajavam roupas pretas e tinham os rostos encapuzados.
Passaram a vistoriar a casa em busca de objetos de valor. Por volta das três horas da madrugada de ontem, foram embora, reunindo os moradores em um quarto, trancando por fora.
Foram embora levando os objetos descritos, incluindo a picape Toyota Hilux, placas AIP-2447, de cor prata, veículo seminovo, ano 2017. Pouco depois de os assaltantes irem embora, a família conseguiu sair do quarto, quando pediu ajuda.
Embora a família tenha seguro da picape contra roubo, teve grande prejuízo com os demais objetos. Foram levados, além dos itens de maior valor, televisores, computadores e até a máquina de lavar. Valor estimado total de prejuízo de pelo menos R$ 100 mil.
O delegado de Loanda, Alisson Tinoco, informou à reportagem do Diário do Noroeste que as investigações seguiam na tarde de ontem. Disse que se trata de um grupo bem organizado e que sabia exatamente o que procurava neste crime.
A forma de abordar as vítimas também indica tratar-se de grupo criminoso “experiente”. Os assaltantes não usaram de violência física. Também pela forma de agir, é provável que seja um grupo de outra região.
A quadrilha levaria ainda outro veículo, um Toyota Corolla. Porém, os ladrões desistiram porque o carro estava com pouco combustível.
A Polícia Militar passou a fazer buscas em Loanda e cidades da região assim que houve a denúncia do crime, detalha o setor de comunicação. Foram vistoriados estradas e acessos às cidades.

agência dream