Paranavaí
Min. 17°C Max. 34°C
SAÚDE

Noroeste do Paraná terá microrregionalização de atendimentos médicos, a partir de 2020

21/12/19 07:05:27 - Região > Saúde
Noroeste do Paraná terá microrregionalização  de atendimentos médicos, a partir de 2020 Andréia Vila afirmou que a mudança promoverá maior resolutividade

A partir de 2020, a dinâmica de atendimentos médicos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) nos municípios do Noroeste do Paraná passará por mudanças. Os serviços de urgência e materno-infantis ficarão concentrados nos hospitais de Loanda, Nova Londrina, Terra Rica, Paraíso do Norte e Paranavaí.
Atualmente, os municípios de pequeno porte mantêm contratos com hospitais privados. Arcam com altos custos para garantir os atendimentos médicos, mesmo quando a demanda é menor do que a prevista. Com a microrregionalização, haverá economia e maior resolutividade.
Os valores a serem repassados mensalmente para os hospitais de referência serão divididos entre todas as prefeituras da Associação dos Municípios do Noroeste Paranaense (Amunpar) e as contratações das equipes médicas será de responsabilidade do Consórcio Intermunicipal de Saúde (CIS).
A presidente do Conselho Regional dos Secretários Municipais de Saúde (Cresems), Andréia Vilar, afirmou que serão feitos levantamentos de gastos e do número de atendimentos nas duas áreas a serem contempladas pela microrregionalização.  Assim, será possível definir os valores de investimentos para concretizar a mudança.
Ela informou que o assunto vem sendo debatido há tempos, com o respaldo dos prefeitos e secretários municipais de Saúde de toda a Amunpar. A próxima reunião para tratar sobre a microrregionalização, prevista para 15 de janeiro de 2020, terá como principal objetivo definir os últimos detalhes.
A expectativa, disse a presidente do Cresems e secretária municipal de Saúde de Paranavaí, é iniciar a centralização dos atendimentos de urgência e materno-infantis em fevereiro do ano que vem, em uma das unidades de referência. Os demais hospitais-polo passarão a atender nesse formato gradativamente.
MAIOR RESOLUTIVIDADE – De acordo com Andréia Vilar, a microrregionalização proporcionará maior resolutividade aos atendimentos de saúde em todo o Noroeste do Paraná. Com a prestação de serviços nessas unidades hospitalares, a quantidade de pacientes encaminhados à Santa Casa de Paranavaí será menor, amenizando o constante problema da falta de leitos.
O início do funcionamento da Unidade Morumbi, previsto para meados de 2020, também contribuirá para acelerar os atendimentos médicos. É que com os 109 leitos a serem disponibilizados, haverá mais vagas para internamento. Além disso, serão realizadas 400 cirurgias eletivas por mês – atualmente são 150. “O tempo de espera será menor e a resolutividade maior”, disse a presidente do Cresems.

Região

DENGUE

Administração Municipal pede apoio ao Ministério Público no combate à dengue

SAÚDE

Municípios têm R$ 250 milhões a mais para zerar filas de cirurgias eletivas

SAÚDE

UPA de Paranavaí registra 390 casos suspeitos de dengue em dez dias

ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Deputado consegue liberar R$ 200 mil para ações de saúde em Paranavaí

SAÚDE

Número de casos de dengue em Paranavaí revela epidemia

BRASIL

Ministério da Saúde libera R$ 1,2 bilhão e zera lista de pedidos de novos serviços

MOBILIZAÇÃO

Mobilização contra a dengue envolve todas as secretarias e instituições estaduais

PARANÁ

SESA alerta sobre a prevenção e controle da sífilis

CAMPANHA ESTADUAL

Vacinas contra a dengue serão distribuídas até 27 de outubro

PREVENÇÃO E DIAGNÓSTICO

Unidade móvel do HC de Barretos seguirá para outros municípios da região

DOSES GRATUITAS

Vacinação contra gripe é ampliada para crianças com menos de 11 anos

AGRICULTURA

Associação dos Irrigantes do Noroeste do Paraná será criada nesta sexta-feira

SICOOB OURO BRANCO

Ano de 2019 foi marcado por três novas agências no Noroeste paranaense

INFRAESTRUTURA

Guairaçá terá investimento de R$ 20 milhões em asfalto e rede de esgoto

ALTO PARANÁ

Município anuncia conclusão da pavimentação asfáltica na Avenida Ivaí

BALANÇO 2019

Obras e melhorias em rodovias estaduais somam R$ 600 milhões

CÂMARA

Deputado consegue liberar R$ 100 mil para ações de saúde em Alto Paraná

EDUCAÇÃO

Matrículas para EJA iniciam em 6 de janeiro

OPERAÇÃO HÓRUS

Após emboscada, forças de segurança reforçam ação em Querência do Norte

BALANÇO

Conservação de rodovias estaduais recebeu R$ 336,4 milhões

agência dream