Paranavaí
Min. 22°C Max. 36°C
SAÚDE

Municípios têm R$ 250 milhões a mais para zerar filas de cirurgias eletivas

08/01/20 08:18:26 - Região > Saúde
Municípios têm R$ 250 milhões a mais  para zerar filas de cirurgias eletivas Ministério vai investir para zerar filas de cirurgias eletivas

Bruno Cassiano
Da Agência Saúde

O Ministério da Saúde reservou R$ 250 milhões a mais para a ampliação do acesso de pacientes às cirurgias eletivas realizadas no SUS. O incentivo aos municípios é para zerar a fila de espera de cirurgias eletivas de média complexidade e diminuir o tempo de espera daqueles que aguardam por procedimentos agendados. São 53 tipos de procedimentos cirúrgicos que estão na lista, como catarata, varizes, hérnia, vasectomia e laqueadura, além da cirurgia de astroplastia (quadril e joelho) entre outras com grande demanda reprimida identificada.
Em 2018, foram realizadas pelo SUS cerca de 2,4 milhões de cirurgias eletivas em todo o país. Esses procedimentos cirúrgicos são os que não precisam ser realizados em caráter de urgência, podendo assim serem agendados. Em 2019, até outubro, foram registrados no sistema de informação do SUS 2 milhões de cirurgias em todos os estados brasileiros.
Os procedimentos de cirurgias eletivas fazem parte da rotina dos atendimentos oferecidos à população nos hospitais de todo o país, de forma integral e gratuita, por meio do SUS. As três cirurgias mais demandadas são oftalmológicas (para tratamento de catarata e de suas consequências e para tratamento de doenças da retina). Além dessas, também estão na lista cirurgias tais como aquelas para correção de hérnias e retirada da vesícula biliar.
Com o valor extra de R$ 250 milhões mais cirurgias eletivas poderão ser realizadas em 2020. Os gestores estaduais, municipais e do Distrito Federal, responsáveis pela organização e a definição dos critérios regulatórios que garantam o acesso do paciente aos procedimentos cirúrgicos eletivos, podem contar e se programar para utilização dos recursos de acordo com a população per capita de cada estado.
O valor total será disponibilizado no orçamento por meio do componente Fundo de Ações Estratégicas e Compensação (FAEC). O incentivo somente será liberado para os gestores após a apresentação de produção executada no sistema de informação do SUS e para aqueles que ultrapassarem o teto MAC (Média e Alta Complexidade) do município.
Do período de janeiro de 2017 a outubro de 2019, foram disponibilizados por meio de recursos do FAEC, o valor aproximado de R$ 1,1 bilhão para cirurgias eletivas. Além disso, as unidades federativas contam também com o valor do teto MAC (Média e Alta Complexidade) para realização das cirurgias nos municípios.

Região

DENGUE

Administração Municipal pede apoio ao Ministério Público no combate à dengue

SAÚDE

UPA de Paranavaí registra 390 casos suspeitos de dengue em dez dias

ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Deputado consegue liberar R$ 200 mil para ações de saúde em Paranavaí

SAÚDE

Número de casos de dengue em Paranavaí revela epidemia

SAÚDE

Noroeste do Paraná terá microrregionalização de atendimentos médicos, a partir de 2020

BRASIL

Ministério da Saúde libera R$ 1,2 bilhão e zera lista de pedidos de novos serviços

MOBILIZAÇÃO

Mobilização contra a dengue envolve todas as secretarias e instituições estaduais

PARANÁ

SESA alerta sobre a prevenção e controle da sífilis

CAMPANHA ESTADUAL

Vacinas contra a dengue serão distribuídas até 27 de outubro

PREVENÇÃO E DIAGNÓSTICO

Unidade móvel do HC de Barretos seguirá para outros municípios da região

DOSES GRATUITAS

Vacinação contra gripe é ampliada para crianças com menos de 11 anos

AGRICULTURA

Associação dos Irrigantes do Noroeste do Paraná será criada nesta sexta-feira

SICOOB OURO BRANCO

Ano de 2019 foi marcado por três novas agências no Noroeste paranaense

INFRAESTRUTURA

Guairaçá terá investimento de R$ 20 milhões em asfalto e rede de esgoto

ALTO PARANÁ

Município anuncia conclusão da pavimentação asfáltica na Avenida Ivaí

BALANÇO 2019

Obras e melhorias em rodovias estaduais somam R$ 600 milhões

CÂMARA

Deputado consegue liberar R$ 100 mil para ações de saúde em Alto Paraná

EDUCAÇÃO

Matrículas para EJA iniciam em 6 de janeiro

OPERAÇÃO HÓRUS

Após emboscada, forças de segurança reforçam ação em Querência do Norte

BALANÇO

Conservação de rodovias estaduais recebeu R$ 336,4 milhões

agência dream