Paranavaí
Min. 22°C Max. 32°C

Colunistas

Dinei Feitosa
Dinei Feitosa
ESPORTES

NOTAS BREVES

22/12/18 - Colunista > Dinei Feitosa

Oferta milionária
O Flamengo fez uma proposta de R$ 30 milhões pelo zagueiro Dedé, que foi prontamente recusada pelo Cruzeiro. O jogador teria salário de mensal de R$ 1 milhão ao jogador. O time carioca busca um zagueiro após a saída de Réver, capitão do time em 2018, que vai reforçar o Atlético-MG. O Cruzeiro vê Dedé como nome fundamental para o sucesso da equipe em 2019.

Liberação/Neymar
Liberado para passar as festas de fim de ano no Brasil, Neymar já desembarcou no País e está fora do jogo que o Paris Saint-Germain fará contra o Nantes, neste sábado. Embora esta liberação possa ser vista como um privilégio de um jogador que é o principal astro do time, o técnico Thomas Tuchel justificou a ausência do atacante, defendendo a estrela brasileira. “Neymar foi ao Brasil com a minha permissão”, avisou o treinador, em entrevista coletiva, para depois garantir que o atleta ainda está em processo de recuperação de uma lesão.

Tite/arrependimento
Após rechaçar um encontro da seleção brasileira com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), o técnico Tite declarou que errou ao levar a taça da Copa Libertadores de 2012, conquistada pelo Corinthians, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Ao lado de representantes do clube paulista, o atual comandante do Brasil ainda entregou uma réplica do troféu a Lula na ocasião.

Frase
“Em 2012, eu errei. Ele não era presidente, mas fui ao Instituto [Lula] e mandei felicitações por um aniversário. Só, e não me posicionei politicamente. Não tenho partido político, tenho, sim, uma torcida para que o Brasil seja melhor em termos de igualdade social, independentemente de nomes. Torço para que nossas prioridades sejam educação e punição. Que seja dada a possibilidade de estudo ao garoto de São Braz, ou da periferia de Caixas ou do morro do Rio de Janeiro. E que tenha punição à corrupção, que mata mais do que homicídio”.
De Tite, ao programa “Grande Círculo”, do SporTV. Entrevista vai ao ar neste sábado

Sergio Ramos critica
Sergio Ramos, capitão do Real Madrid, concedeu coletiva de imprensa na véspera da final do Mundial de Clubes contra o Al Ain, em Abu Dhabi. O que era para falar sobre a partida acabou ficando em segundo plano, e temas como Mourinho e Cristiano Ronaldo dominaram a entrevista. O zagueiro demonstrou impaciência ao ser perguntando sobre a situação de José Mourinho, técnico demitido do Manchester United, que poderia voltar a treinar os merengues.

Frase
“Quer que o capitão diga quem será o treinador? Fazem cinco anos que ele saiu e continuamos falando dele. Nós ficamos sem ele por cinco anos e ainda estamos falando dele, o Real Madrid ganhou tudo e você ainda está falando de treinadores. Eu não vou entrar neste jogo. Vamos falar de Solari, que poderá ser campeão do mundo amanhã (hoje)”.
De Sergio Ramos.

Mais

Dinei Feitosa 26/03/19

NOTAS BREVES

Dinei Feitosa 23/03/19

NOTAS BREVES

Dinei Feitosa 22/03/19

NOTAS BREVES

Dinei Feitosa 20/03/19

NOTAS BREVES

Dinei Feitosa 19/03/19

NOTAS BREVES

ver todas

Colunistas

Tânia Mara
Artigos
Dinei Feitosa
Sinopse Geral

Articulistas

André Maciel
EDENI MENDES
Fabiano Brum
Josué Ghizoni
Marcelo Rios
Márcia Spada

Programe-se

agência dream