Paranavaí
Min. 8°C Max. 23°C

Colunistas

Sinopse Geral
Sinopse Geral
ARTIGO

SINOPSE GERAL

09/04/19 - Colunista > Sinopse Geral

AVALIAÇÃO dos 100 primeiros dias de gestão mostra Jair Bolsonaro em empate técnico entre os que aprovam e aqueles que desaprovam, segundo o Datafolha divulgado domingo pelo jornal Folha de S.Paulo. O levantamento mostra que 33% consideram o governo regular; 32% ótimo ou bom e 30% ruim ou péssimo e 4% não souberam opinar.A avaliação da gestão Bolsonaro é a pior para os três meses iniciais de gestão dos eleitos desde Fernando Collor, aponta o Datafolha. A expectativa em relação ao governo Bolsonaro antes da posse era de 65% ótimo ou bom; 17% regular e 12% ruim ou péssimo; 50% consideram que Jair Bolsonaro “trabalha pouco”, ante 42% que acham que ele “trabalha muito”.Para 57%, Bolsonaro é autoritário e 49% o classificam como antiquado.
PESQUISA realizada dias 2 e 3 de abril e publicada pelo Datafolha indica que Sergio Moro é o ministro mais popular e mais bem avaliado do governo Bolsonaro. O ex-juiz federal é conhecido por 93% dos entrevistados e seu desempenho no comando do Ministério da Justiça e da Segurança Pública é considerado ótimo ou bom por 59%; 17% consideram a atuação de Moro regular e 15% a classificam como ruim ou péssima. Não souberam opinar 2%.O resultado não surpreende, uma vez que Moro é o principal símbolo da Lava Jato no país, ídolo popular saudado em manifestações de rua desde o início da operação, há cinco anos. Assumiu seu posto no governo com status de superministro, quase tão poderoso quanto o próprio presidente, com a missão de combate implacável à corrupção.

ALÉM de Moro, apenas outros dois ministros são conhecidos pela maioria da população.Paulo Guedes, chefe da pasta da Economia, é conhecido por 74% dos brasileiros. A avaliação de sua gestão registra um empate técnico: ótima ou boa para 30% e regular para 28%. Outros 12% a classificam como ruim ou péssima. Não opinaram 4%.Em seguida aparece a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves. Ela é conhecida por 57% e tem sua gestão considerada ótima ou boa por 25%.A maioria dos entrevistados desconhece os demais nomes citados. Segundo a pesquisa, 44% sabem quem é o general Augusto Heleno, chefe do Gabinete de Segurança Institucional, e 21% aprovam (ótimo ou bom) seu desempenho.Em patamar similar, Onyx Lorenzoni, chefe da Casa Civil, é conhecido por 46% e aprovado por 18%.

ACUMULANDO crises em sua gestão, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, teve uma das mais baixas aprovações: apenas 13%. É conhecido por 38% da população.Ernesto Araújo, ministro das Relações Exteriores, também registrou 13% de aprovação. De acordo com a pesquisa, 35% dos entrevistados sabem quem ele é.Os piores resultados ficaram para o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Conhecido por 30%, é avaliado como ótimo ou bom por apenas 11% da população.

PARANÁ tem seu maior número de prefeitos de todas as 22 edições da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, no Centro Internacional de Convenções de Brasília, que teve início ontem e vai até sexta-feira. Cerca de 232 gestores municipais do Estado (58% dos 399) confirmaram presença no encontro. Em todo o Brasil, são 2.993 inscritos e 7.633 participantes confirmados. Entre outras reivindicações os prefeitos paranaenses querem que as emendas dos senadores ao Orçamento sejam destinadas a consórcios de saúde, pedem alteração da Lei de Licitações para que as prefeituras tenham mais flexibilidade na dispensa de licitações em situações de emergência, defendem a construção de uma nova relação com o Congresso Nacional e, ainda, a liberação de recursos destinados pelos programas federais à assistência social. 

CENTENAS de manifestantes participaram domingo (7), dia que marcava a data em que se completava um ano da prisão do ex-presidente Lula, em frente à sede da Polícia Federal, no bairro do Santa Cândida, em Curitiba, de ato convocado pelo PT. De acordo com os organizadores, 10 mil pessoas participaram do protesto na Capital paranaense, contra 3 mil nos cálculos da Polícia Militar. Em carta de Lula aos participantes lida durante a manifestação, o ex-presidente voltou a afirmar que é um “preso político”, e criticou os adversários, afirmando que eles “têm medo do povo”.“Impediram minha candidatura à Presidência para que eu não subisse outra vez a rampa do Palácio do Planalto, empurrado pelos braços de cada um e cada uma de vocês, para que juntos revertêssemos o desmonte do Estado brasileiro promovido pelos meus algozes”, apontou o petista. “Eles estão cada vez mais raivosos, infelizes e envenenados pelo próprio (veneno) que destilam”, afirmou Lula.Em todo o País movimentos de 17 capitais confirmaram agenda de mobilizações, além de 32 atividades em 15 países.Diariamente os participantes gritam “bom dia”, “boa tarde” e “boa noite” ao ex-presidente.

PARTICIPANTE da manifestação em Curitiba, o candidato derrotado a presidente, Fernando Haddad disse que “essa elite conseguiu, com tudo que fez desde 2013 colocar um dos piores brasileiros na Presidência da República e o melhor aqui na Polícia Federal”. Lula foi preso após ser condenado por corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo o tríplex em Guarujá-SP. 
COM 53,7% (1.821) dos 3.391 votos válidos, Ivo Roberti (PDT) foi eleito prefeito de Serranópolis do Iguaçu, no oeste do Paraná, neste domingo (7). As informações são do G1.A escolha foi feita em uma eleição suplementar, convocada depois que o ex-prefeito Luiz Carlos Ferri (MDB) e o vice Diogo Achtenberg (PSC) tiveram os mandatos cassados.O candidato que concorria com ele, Jair Daronch (PMB), teve 1.570 votos e ficou com 46,3% dos votos válidos.Foram registrados 3.542 votos, sendo 45 votos brancos (1,27%) e 106 nulos (2,99%). Os eleitos serão empossados dia 26 próximo para completar o mandato que vai até 31 de dezembro de 2020.

PRESIDENTE Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira (08) pela manhã a demissão do ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez. Bolsonaro informou também que o novo ministro será Abraham Weintraub. Colombiano naturalizado brasileiro, Vélez Rodríguez tomou posse no cargo em 1º de janeiro e enfrentava uma "guerra interna" no MECprovocada por desentendimentos entre militares e seguidores do escritor Olavo de Carvalho.Weintraub, segundo Bolsonaro, "é doutor, professor universitário e possui ampla experiência em gestão e o conhecimento necessário para a pasta". Weintraub já trabalhava no governo Bolsonaro, na função de secretário-executivo da Casa Civil, o número 2 da pasta.
GRUPO de manifestantes se reuniu na Boca Maldita, Centro de Curitiba, domingo à tarde em um ato em defesa da operação Lava Jato, e com críticas ao STF. Inicialmente, a manifestação foi convocada para pressionar o STF a decidir pela manutenção da prisão de condenados em 2ª Instância pela Justiça, mas mudou o foco após o presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli, decidir suspender o julgamento das ações que tratam do assunto, prevista para o último dia 10. 
JULGAMENTO agora não tem data para ser incluído na pauta do tribunal. Com isso, a manifestação passou a ser programada para pedir uma “limpeza no STF”, sob o nome de “Vem Pra Rua salvar a Lava Jato”. Na justificativa da convocação, o grupo diz que o ato é “pela manutenção da prisão em 2ª Instância, pelo impeachment de Gilmar Mendes” e “contra a sabotagem na Lava Jato.” Assim como nas manifestações em favor do impeachment da ex-presidente Dilma, os participantes usaram roupas nas cores verde amarela e camisetas da seleção brasileira de futebol, e cantaram o hino nacional. Também havia cartazes em apoio ao ministro da Justiça, Sérgio Moro, e em defesa da instalação da CPI apelidada de “Lava Toga”, para investigar a conduta de ministros do STF.
FRASE: Não há tanta notícia ruim quanto a imprensa tem publicado (do presidente Bolsonaro ao ser questionado sobre os seus 100 primeiros dias de governo).

Mais

Sinopse Geral 24/05/19

SINOPSE GERAL

Sinopse Geral 23/05/19

SINOPSE GERAL

Sinopse Geral 21/05/19

SINOPSE GERAL

Sinopse Geral 21/05/19

SINOPSE GERAL

Sinopse Geral 18/05/19

SINOPSE GERAL

ver todas

Colunistas

Tânia Mara
Artigos
Dinei Feitosa
Sinopse Geral

Articulistas

André Maciel
EDENI MENDES
Fabiano Brum
Josué Ghizoni
Local
Marcelo Rios
Márcia Spada

Programe-se

25/05/19

No Paranavaí Tênis Clube, baile com a Banda Garotos do Sul, de Mariluz. Começa às 22h.

30/05/19

Palestra com tema livre, proferida por José Carlos Bertacchi. Às 20h, na Casa da Sopa.

30/05/19

Ruan Marcos & Diego do Teclado são os destaques musicais no baile do Paranavaí Tênis Clube. Começa às 20h.

01/06/19

Assembleia Geral Extraordinária da Academia de Letras e Artes de Paranavaí, às 14h30 na Biblioteca Municipal.

13/06/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Jovens Empresários e Empreendedores de Paranavaí (Aciap Jovem), sob a presidênciade Rubens Celestino Vila Júnior (Xuxa). Às 18h30, na Aciap.

13/06/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Mulheres Empresárias e Empreendedoras de Paranavaí (Aciap Mulher), sob a presidência de Denise Pierin. Às 7h30, na Aciap.

16/06/19

Costelão ao Fogo de Chão no CTG Fazenda Velha Brasileira, das 12h às 14h30. Depois, leilão de gado em prol da APDE.

19/06/19

Reunião do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança), tendo na presidência Cláudio Miguel de Souza. Às 18h30, na Aciap.

20/06/19

Acampamento para Casais, realização da Paróquia São Sebastião – Santuário do Carmo, de 20 a 24 de abril. Contato: 3421-0400.

26/06/19

Reunião do CCCP (Conselho da Comunidade da Comarca de Paranavaí), às 18h, na Aciap. Cláudio Miguel de Souza é o presidente.

27/06/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Jovens Empresários e Empreendedores de Paranavaí (Aciap Jovem), sob a presidênciade Rubens Celestino Vila Júnior (Xuxa). Às 18h30, na Aciap.

27/06/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Mulheres Empresárias e Empreendedoras de Paranavaí (Aciap Mulher), sob a presidência de Denise Pierin. Às 7h30, na Aciap.

17/07/19

Reunião do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança), tendo na presidência Cláudio Miguel de Souza. Às 18h30, na Aciap.

24/07/19

Reunião do CCCP (Conselho da Comunidade da Comarca de Paranavaí), às 18h, na Aciap. Cláudio Miguel de Souza é o presidente.

08/08/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Jovens Empresários e Empreendedores de Paranavaí (Aciap Jovem), sob a presidênciade Rubens Celestino Vila Júnior (Xuxa). Às 18h30, na Aciap.

08/08/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Mulheres Empresárias e Empreendedoras de Paranavaí (Aciap Mulher), sob a presidência de Denise Pierin. Às 7h30, na Aciap.

21/08/19

Reunião do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança), tendo na presidência Cláudio Miguel de Souza. Às 18h30, na Aciap.

22/08/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Jovens Empresários e Empreendedores de Paranavaí (Aciap Jovem), sob a presidênciade Rubens Celestino Vila Júnior (Xuxa). Às 18h30, na Aciap.

22/08/19

Reunião do Núcleo Multissetorial Mulheres Empresárias e Empreendedoras de Paranavaí (Aciap Mulher), sob a presidência de Denise Pierin. Às 7h30, na Aciap.

28/08/19

Reunião do CCCP (Conselho da Comunidade da Comarca de Paranavaí), às 18h, na Aciap. Cláudio Miguel de Souza é o presidente.

agência dream