Paranavaí
Min. 20°C Max. 28°C

Cotidiano

PARANÁ

Novos servidores reforçarão ações anticorrupção no Governo

  • Estado inicia programa de incentivo à arborização
  • Vestibular dos Povos Indígenas tem 750 candidatos
  • Logística reversa de pneus atenderá todos os municípios do Paraná
  • Problemas de saúde de motoristas contribuem para acidentes
  • EAD cresce e traz novas oportunidades no mercado de trabalho
ECONOMIA

Governo desbloqueia R$ 8,3 bilhões do Orçamento

Kelly Oliveira Da Agência Brasil  O Governo desbloqueou R$ 8,3 bilhões do orçamento deste ano. A informação consta do Relatório Bimestral de Receitas e Despesas, que foi divulgado ontem (20) pelo Ministério da Economia.O relatório bimestral orienta a execução do Orçamento Geral da União com base na revisão dos parâmetros econômicos e das receitas. Quando as receitas caem, o governo tem que fazer bloqueios para cumprir a meta de déficit primário – resultado negativo nas contas do governo sem os juros da dívida pública – de R$ 139 bilhões para este ano.No relatório divulgado em julho, o valor contingenciado do Orçamento de 2019 chegou a R$ 31,225 bilhões.A liberação de hoje foi possível devido à melhora na previsão para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, de 0,81% para 0,85%, neste ano, à expansão da arrecadação e ao aumento de receitas de dividendos e participações em empresas estatais.Na última terça-feira (17), o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, já havia antecipado que o descontingenciamento ficaria em torno de R$ 8,3 bilhões.Entre os ministérios, o que teve maior liberação foi o da Educação, com R$ 1,99 bilhão, seguido por Economia (R$ 1,75 bilhão) e Defesa (R$ 1,65 bilhão).Além desse valor do descontingenciamento, na liberação de recursos do orçamento também foram considerados R$ 2,661 bilhões referentes à multa paga pela Petrobras às autoridades brasileiras após um acordo junto ao governo dos Estados Unidos.Na última terça-feira (17), o ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes homologou acordo para destinar R$ 1 bilhão para a preservação da Amazônia, e R$ 1,6 bilhão para a área de educação.

ARTIGO

Hoje é o Dia da Árvore

O Dia da Árvore é comemorado no dia 21 de setembro. Esta data foi escolhida por anteceder o início da Primavera no hemisfério sul, que dependendo do ano pode ocorrer entre os dias 22 e 23 de setembro. O ipê amarelo é a árvore símbolo nacional.Por iniciativa dos prefeitos anteriores, Paranavaí tem nove árvores protegidas legalmente e dessas, cinco pertencem à espécie jequitibá. As demais são das espécies cedro, guajuvira, ipê e copaíba e são as seguintes:Decreto n° 2369/1980 - Tabebuia alba (ipê) - Colégio Estadual de Paranavaí – prefeito José Vaz de Carvalho.Decreto n° 3282/1987 - Cedrella fissilis (cedro) - Praça Brasil, Terminal Rodoviário de Paranavaí Ângelo Bogoni – prefeito Benedito Pinto Dias.Decreto n° 3282/1987 - Jequitibá cariana sp - Av. Heitor Furtado (prox. n° 5555) – prefeito Benedito Pinto Dias.Decreto n° 3282/1987 - Patagonula americana (guajuvira) - Rua Princesa Isabel, s/nº - prefeito Benedito Pinto Dias. Decreto n° 3282/1987 - Jequitibá cariana sp - Praça Sinval Reis (Praça da Xícara) – prefeito Benedito Pinto Dias.Decreto n° 4203/1992 - Jequitibá cariana sp - Rua Almirante Tamandaré no Jardim São Jorge – prefeito Rubens Felippe.Decreto n° 4203/1992 - Jequitibá cariana sp - Colégio Enira Morais Ribeiro – prefeito Rubens Felippe.Decreto n° 6758/2001 - Jequitibá cariana sp - Rua Tamarindo no Jardim São Jorge – prefeito Deusdete Ferreira de Cerqueira.Decreto n° 3571/2009 - Copaifera langsdorffii (copaíba) - Praça Rodrigo Ayres de Oliveira (do Teatro) – prefeito Rogério José Lorenzetti (SB).

 - Sábado | Edição 18.384
Diário Digital Sábado | Edição 18.384 21/09/2019 Baixar
agência dream